Páginas

sábado, 17 de dezembro de 2011

Cadê a enfermeira?

Eu tenho preguiça dos revolucionários de sofá, eu não gosto de quem tenta salvar o mundo compartilhando imagens via Facebook, mas essa história da enfermeira é revoltante e me irrita extremamente. A psicopata matou o cachorro porque ele dava trabalho, vocês entendem isso? Quer dizer que aquilo que me dá trabalho eu posso matar? Crianças dão trabalho e ela tem um filho! Sem contar que era um Yorkshire!!! Que tipo de tanto trabalho uma bolinha de pelo pode dar? Trabalho da o Duke que come tudo que ele consegue enfiar na boca, trabalho dava o Marley e o dono dele ao invés de matá-lo escreveu um livro sobre ele! O caso é grave, revoltante e preocupante e acho que as pessoas tem direito sim de se chocar (e obrigação de agir de alguma maneira também.Só falar de nada adianta).
Mas sabe do que eu também tenho preguiça? De quem xinga muito no Facebook de quem xinga muito no Facebook. Olha, a opção desfazer amizade está lá, agora se por algum motivo você não pode desfazer a amizade tem a opção ignorar atualizações também. E se as pessoas se revoltam mais com o assassinato de um cachorro do que com corrupção, miséria e outras coisas, o que isso tanto te aborrece? Eu, particularmente, gosto mais dos meus cachorros do que de muita gente!
Agora chega de mimício, né? Deixa os revolucionários de sofá revolucionarem, deixa o pitbull procurar a enfermeira, deixa a galera reclamar...
Cada um na sua, oras!



That's All Folks!

Nenhum comentário:

Postar um comentário