Páginas

sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

Era Uma Vez... (Parte 2)

Apesar de a tradução da primeira parte ter me dado um trabalho do cão e ter sido um dos posts com menos visualizações, eu vou fazer a parte 2 sim.


Jasmine
 A Jasmine do conto popular no Oriente Médio é bem mais "elenco de apoio" do que a da versão da Disney. Seu nome original é Princesa Badroulbadour (Oi?), filha de um imperador do extremo oriente. Ao contrário da Jasmine que se faz de difícil até o Alladim a levar para um passeio de tapete voador e engatar um lindo dueto em Um Mundo Ideal, a princesa B. casa com o Alladim assim que o gênio o transforma em rico e os dois vão morar em um belíssimo castelo feito por mágia. O mago malvado vai visitar a B. fingindo-se de comerciante de lâmpadas e se oferece pra ajudar a princesa na decoração trocando as lâmpadas velhas por lâmpadas novas e assim leva o gênio embora. Óbvio que o Alladim, com a ajuda do gênio, consegue derrotá-lo e pegar a lâmpada de volta e os dois vivem felizes para sempre.


Mulan

Embora tecnicamente ela não seja uma princesa, a Mulan é uma das mocinhas mais populares da Disney (eu particularmente amo o filme por essa cena ). Procurando uma princesa mais durona do que as tradicionais, a Disney de inspirou na antiga lenda chinesa de Hua Mulan, que supostamente viveu durante a Dinastia Wei do Norte, que durou de 386 a 584 A.D (é a D mesmo de anno Domini). A lenda costumava ser contada em forma de música lenta e foi transformada em livro entre 1368 e 1644. As duas versões contam a história de uma jovem que se veste de menino e se junta ao exercíto no lugar do seu pai. A história original foi uma das primeiras na China a pregar a igualdade de gêneros. A maior parte da história da Disney segue as versões originais da lenda, apenas adicionando amiguinhos animais (Mushu, aquele lindo) e colocando um dos colegas de batalha apaixonado por ela. Na história original Mulan ganha apenas o respeito dos soldados.

Tiana 


Na animação de 2009 "A Princesa e o Sapo", a chef de cozinha Tiana se transforma em sapa após beijar um príncipe transformado em sapo, por não ser uma princesa. Foi uma reviravolta interessante para a históra dos Irmãos Grimm em que uma princesa transforma um sapo num príncipe. A versão dos irmãos Grimm só um tiquinho mais violenta. Na versão original a maldição só pode ser quebrada quando o príncipe sapo for lançado contra uma parede. (Primeiro beijo do amor verdadeiro nunca, né?) . Na história da Tiana os danos corporais são mínimos, os dois sapinhos se casam transformando a chef em princesa e dando a ela o poder de quebrar a maldição.



 Rapunzel

A heroína no filme "Enrolados" (pior filme de princesa da Disney) de 2010 é uma personagem familiar. Sua história foi escrita pelos Irmãos Grimm, que a adaptaram de uma história francesa originalmente publicada em 1698. Muitas versões da história foram surgindo através dos séculos.
 Embora a versão da Disney seja inocente e classificação livre, esse não é o caso nas versões anteriores. Na versão dos irmãos Grimm a feiticeira fica doida de raiva depois de descobrir Rapunzel grávida depois de várias visitas secretas do príncipe escalando por suas longas tranças.




 Merida

A caçula das pricesas Disney do filme "Valente" não foi inspirada em nenhuma lenda ou história antiga, ela é a 100% original Disney.




Então...foi isso. Eu traduzi e adaptei o texto daqui, caso alguém se interesse.

That's All Folks

Um comentário:

  1. Mari, eu esperei a parte dois pra comentar! Muuito dez, eu gostei das versoes originais, mas a Disney fez bem em adaptar, imagina o estrago na cabeça das "quiança"
    Beijoo, saudade!

    ResponderExcluir