Páginas

sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

#mimimi Estraga o cérebro


Reclamar faz mal! Gente resmugando é um saco!!! Mas quer saber de um negócio louco? Ouvir uma pessoa reclamando o tempo todo deixa a gente mais burro. Sério mesmo, tá aqui a pesquisa. O autor Trevor Blake descobriu que com mais de 30 minutos seguidos ouvindo negatividade os neurônios saem do hipocampo do cérebro, a parte responsável pela solução de problemas diminui de tamanho e como o cérebro funciona tipo um músculo se você passa muito tempo ouvindo alguém reclamar dos problemas, você acaba se transformando numa pessoa negativa também. Mas, tem solução...é só focar sua atenção na solução e não no problema, então quando alguém começar a reclamar insistentemente (beijo mãe!) basta você ir solucionando mentalmente os problemas dessa pessoa!!
E todo mundo sabe que reclamar não resolve problema, se resolvesse alguma coisa ainda ia, mas sem ação a reclamação só serve pra te transformar numa mala sem alça (beijo de novo mãe).

Deu pra perceber que eu estou sofrendo porque minha mãe virou uma fábrica de mimimi? Ela reclama de tudo, todo o tempo. E ai de mim se tento dar uma animadinha ou digo a ela que reclamar faz mal e não adianta de nada, ai começa o discurso de "Já que eu não posso nem reclamar mais, eu tenho que ( insira reclamações infinitas aqui)"...e olha, pra mim já deu!!! Deu!!!
Então para não ficar contaminada e só reclamar da vida também, estou correndo atrás de começar meu próprio negócio, ajeitando minha casa e metendo meu pé! Já que ela só sabe reclamar, deixo a função de ouvir pro meu pai...ele que ouça e ature, eu não posso mais...já que meus conselhos só servem pra ela ficar ainda mais mimimizenta...tô vazando.

2 comentários:

  1. Bom saber disso, tenho muitos problemas mentais para resolver antes que eu fique completamente burra! kkkkkkk

    Mari (olha a intimidade), demorei séculos para vir dizer mas eu rezei/orei/acescenteaquisuareligião, enfim pedi a Deus que te desse algo que te confortasse, digo algo pq eu não sei o que pode confortar uma dor dessas. Não imagino e não ousaria nunca dizer que imagino pelo que você passou e está passando e vai carregar com você pra sempre, não seria tão retardada de fazê-lo.
    Queria dizer que sinto muito, muito mesmo. Senti muito quando soube e ainda sinto, porque pode parecer bobagem, a gente nunca nem conversou muito mas eu sempre penso em você e no quanto você aparenta ser forte e queria ter um pouquinho dessa força sua, ou não (cada um sabe a dor e a leveza de ser o que é, né?), vai saber!

    Desculpe esse comentário todo sem sentido, todo fora de hora, eu queria ter dito antes e não consegui.

    Agora, rumo a 2013, já vi que você tem altos planos e torço para que se realizem. E quanto a mãe mimimizenta, TAMO JUNTO! kkkkk

    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Mari, que esse 2013 seja bastante construtivo pra você.
    E chega de #mimimi, né? kkkkk beijao amiga!
    principecaioandre.blogspot.com

    ResponderExcluir