Páginas

quinta-feira, 25 de julho de 2013

Ao Criador

Prezado Deus, eu já perdi um filho, conheço a dor que minha vó vem passando há quase 21 anos e sei que ela, e nem ninguém, merece conviver com a morte de 2 filhos. Então peço que o Senhor acalme o meu coração e livre-me da mágoa e do ódio que sinto pelo filho mais velho dela, se o Senhor me fez nascer na mesma família que ele, algum motivo há, não compreendo qual, mas preciso aceitar mas não consigo...
Veja bem, hoje está frio, estou recolhida no meu quarto, minha mãe lá na frente na casa dela e o infeliz entra xingando, palavras de baixíssimo calão, ele finge que é pro cachorro, mas nós sabemos que a intenção dele é ofender a minha mãe e a mim, e eu preciso me controlar, pensar no guri que cresce dentro de mim e não posso sair e enfrentá-lo, mas já não aguento mais, não aguento...são anos de falta de respeito, anos precisando aturar em silêncio....e eu preciso aceitar Sua vontade, mesmo que eu vá embora daqui, minha mãe ainda ficaria...e como seria pra ela? Sozinha aqui, hipertensa e tendo de aturar ofensas TODOS os dias.
Não posso desejar a morte dele, não acredito que ele um dia se torne humano....então peço que a mágoa e o ódio que me habitam, saiam e que eu encontre a paz, que as palavras dele não mais me ofendam e que um dia esse inferno chegue ao fim....

Amém!

Um comentário: