Páginas

segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Só!

O que é a vida, senão um flash de luz entre duas eternidades de escuridão?
No fim das contas, não importa muito o que levamos da vida e sim, a vida que levamos. O que deixamos aos nossos...
E no fim das contas, somos sós...só nós. Sozinhos.
Nascemos e morremos sós. Só nós. Sozinhos.
Uma rápida passagem entre pessoas e depois novamente sós, só nós, sozinhos.
Sendo assim a solidão é nosso estado normal, o normal é ser só. Sós...só nós...sozinhos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário