Páginas

terça-feira, 30 de dezembro de 2014

101 em 1001 - 30. Ler 30 livros (7/30)

6. 50 Tons de Liberdade
Oh céus!!!!
Fiquei sem fôlego nesse livro.Não é tão apaixonante quanto o primeiro, mas é melhor que o segundo. Só achei o final meio piegas e preferia que algumas coisas só viessem no epílogo. 

7. A Culpa é das Estrelas
Um livro fácil, gostoso, engraçado e triste ao mesmo tempo. Me encantei com a Hazel, com o Gus e fiquei doida pra ler Uma Aflição Imperial. Chorei no fim...

domingo, 28 de dezembro de 2014

Por que você está assim?

Talvez seja a proximidade com meu 27o aniversário ou com o fim de mais um ano, coisas essas que servem pra mostrar que nosso tempo aqui é finito e passa rápido. Talvez seja o fim de semana enfiada em casa que me deixa entediada, ou a dor nas costas (e agora pressão alta) do meu pai, que me deixa preocupada. Talvez seja a constatação de que melhores amigos viram conhecidos apenas...ou a combinação de tudo isso numa cesta de vime coberta com tule e amarrada num lindo laço...
A causa eu não sei, mas o resultado é um vazio existencial que consome cada parte do meu ser e uma crescente vontade de chorar até as lágrimas se esgotarem...

sexta-feira, 26 de dezembro de 2014

101 em 1001 - 30. Ler 30 livros (5/30)

5. 50 Tons Mais Escuros


Mais romanção de banca que o primeiro, hein...Menos putaria e tal. Algumas partes são de tirar o folego, como o desaparecimento do Charlie Tango, mas achei mais paradinho que o outro. 

(Tentar postar com 4 crianças zoando ao fundo tá fueda)

sábado, 20 de dezembro de 2014

Compaixão e Empatia

Hoje voltávamos do shopping, decidimos por voltar caminhando, aproveitando a tarde. Sacolas nas mãos, conversa fiada.
Então passamos por uma senhora, deitada no chão, a cabeça sobre uma bolsa e os olhos perdidos no horizonte. "É a índia maluca"... Era de fato a índia, uma moradora de rua da região, conhecida por perseguir as pessoas (minha avó incluse). O olhar perdido dela me entristeceu, a sensação de impotência me dominou, e a vergonha por reclamar tanto de barriga cheia.
Em casa, algumas horas passadas a gargalhada do Ravi ecoa...e eu percebo que tenho tanto.
Sinto a dor dela ainda e espero nunca deixar de sentir. Que a compaixão e a empatia jamais me deixem.
E que 2014 vá em paz e que 2015 venha firme...
E que Deus me ajude a ser mais grata.

sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

101 em 1001 - 30. Ler 30 livros (4/30)

4. 50 Tons de Cinza


Assim que o livro saiu, eu tinha um tico de preconceito com ele. Todos os blogs que eu acompanhava falavam mal da história, e eu fui achando que era um Crepúsculo pra maiores. Mas, azamiga falavam sem parar do livro e pedi uma cópia em pdf. Comecei a ler várias vezes, mas não conseguia passar do capítulo 5. Aí veio a notícia de que o Sr Grey seria o Jamie Dornan, e a Regina o matou tão cedo, eu sentia tanta falta dele. E daí veio o trailer....e o livro tava R$ 15, comprei.
Puta que las caralhas!!!!!
Eu devorava o livro sempre que eu conseguia, e em 3 dias eu terminei, e terminei arrasada e precisava do segundo livro o mais rápido possíve (Tô lendo em pdf até a Saraiva entregar a versão física).
O livro, realmente, tem uma pegada de romance de banca e poderia facilmente ser um "Sabrina" da vida, mas por muitos anos as bancas de jornal eram onde eu comprava meus livros. #mejulguem

Um dos meus favoritos até hoje


segunda-feira, 8 de dezembro de 2014

Abstinência literária

Eu tenho um blog de "Contos e Histórias", que foi criado na intenção de eu postar sempre, uma vez por semana, no mínimo. Mas não rolou...
Ou eu me perdia nas histórias ou não eu fazia um capítulo só e deixava pra lá, ou o mais comum, eu começava a escrever e não terminava.
Hoje brincando com o marido de "O Que você faria?" surgiu a ideia de uma nova historinha...e lá fui eu.
Fiquei encarando a página e não saiu nada, reli minhas histórias, reli meus rascunhos e a única coisa que veio foi a sensação de que eu já fui melhor...
Já escrevi melhor...vejo isso relendo os blogs.
Sinto falta de escrever bem...