Páginas

segunda-feira, 26 de outubro de 2015

Tem um textão no meu ENEM

E o tema da redação do ENEM foi "A persistência da violência contra a mulher na sociedade brasileira", e o twitter quase explodiu, de um lado muita gente feliz com o tema e do outro a galera que achava um absurdo esse tema.
Eu adoraria ter ficado no time da galera que ficou radiante, teria sido maravilhoso acreditar, mesmo que por 10 segundos, que essa redação faria machistinhas pensarem um pouquinho que fosse no tema.
Mas não rolou. Basta você dar uma olhada nos comentários da galera que ao invés de pensar, argumentar, raciocinar foi lá dizer que ~homem também sofre violência doméstica~.

domingo, 18 de outubro de 2015

Tudo Ao Mesmo Tempo...Agora!

A vida, meus amores, ela não espera. Ela não espera você acabar de ver aquele filme, ou você dormir mais 5 minutinhos, a vida, ela acontece.
Acontece de eu passar quase que um mês me sentindo culpada por não estar triste, me sentindo mal por estar radiante de felicidade graças ao Ravi, acontece de eu sonhar nas duas noites antes com coisas que me lembrem do que aconteceu e entender que, apesar das coisas estarem bem aqui fora lá dentro tá tudo recalcado ainda e ainda dói. Acontece de no dia eu acordar as 3:30h e dar risada com a ironia, acontece da minha pressão estar 8x6 e eu precisar ficar do lado fora de casa para que a brisa do fim da tarde/início da noite me ajude.
Acontece de eu estar procrastinando os textos do PEM, acontece de marido ter desinstalado o Ilustrator e eu não ter ideia de como vou fazer meu gráfico agora.
Acontece!!! A vida é assim ela acontece.
E acontece de não pararem de acontecer coisas que levam a outras coisas e me tiram da rota e aumentam o meu caminho e ufa!!!
Para!!!
Respira!!!
Observa!!!
A vida acontece aqui pra mim e ali para o outro e enquanto tudo acontece ao mesmo tempo, cabe a mim retraçar minha rota e seguir em frente, porque enquanto eu respirar a vida acontece.

quinta-feira, 8 de outubro de 2015

Algumas virtudes são conquistadas com perseverança, outras com cicatrizes!
Eu estou num misto de perseverança e cabeçada (que gerará galos e cicatrizes) para conquistar o hábito de aceitar que todas as pessoas são diferentes, ninguém é de todo bom e nem de todo mau. Acho muito difícil esse exercício de conhecer cada pessoa que passa por nossa vida, entender os defeitos, admirar as qualidades e não anular um pelos outros.
Não estou falando aqui de empatia, de colocar-se no lugar do outro e sim de interagir com o outro dentro daquilo que a pessoa o é.  Todo mundo é feito de defeito e qualidade, ninguém é perfeito...
E eu vou por aqui, dando cabeçada pra entender que e aceitar que ninguém é só defeitos, e mais que os defeitos não apagam as qualidades...

sexta-feira, 2 de outubro de 2015

101 em 1001 - 30. Ler 30 livros (21/30)

21. Animais Fantásticos e Onde Habitam - Newt Scamander


Na verdade ele foi o 20, mas eu tinha esquecido até encontrá-lo hoje de manhã. Paguei R$16 na Bienal, mas se pagasse R$12 ainda estava caro. O livro é bem fininho e curto quero ver como é que vão transformar num filme, vale a nível coleção, mas não mais que isso. 

quinta-feira, 1 de outubro de 2015

O que quero x O que eu busco

Imagina que você compra sementes de margaridas e planta no seu quintal, aduba, rega, cuida e depois fica na ansiedade por desejar muito um jardim cheio de rosas. 
Ou que você planta um caroço de manga e depois fica esperando as goiabas nascerem porque adora goiaba recém colida.
Ou talvez você compre uma garrafa de guaraná e coloque na geladeira para na hora do almoço beber um copo de coca cola beeem gelada.
A não ser que você tenha alguma problema cognitivo você não fazer nada disso, certo? Então porque no nosso cotidiano é isso que a gente faz o tempo todo?
Você reclama que a cidade tá violenta, mas passa o inicio da sua noite toda assistindo pseudo jornalismo sangrento? Plantou margarida esperando colher rosa!
O que você procura tem que estar de acordo com o que você quer achar, não tem como encontrar felicidade procurando tristeza, encontrar amor se segue procurando por ódio.
Veja a pessoa ranzinza, mal humorada, sempre reclamando, evitando sorrir e sei que passa horas assistindo esses programas que não compartilham meia notícia boa e entendo o porque. Não dá pra ser feliz assim, se alimentando da tragédia alheia, não tem como...
Eu quero boas notícias, quero dar risada, que suspirar de encantamento...eu quero felicidade, que busco felicidade, eu me cerco de felicidade.


101 em 1001 - 30. Ler 30 livros (20/30)

20 - Quem é você Alasca?


 John Green é fã de Harry Potter, John Green tem um tumblr, John Green é o mestre de escrever livros sem final feliz óbvio!!!! O livro é separado em "antes" e "depois" e você nunca sabe do que se trata até o último dia antes, quando fica meio óbvio o que vai acontecer (mas nem tanto, já que desde o começo eu pensava que era uma coisa e até a metade do último dia antes eu ainda tinha essa opinião).

"Você está mesmo brincando, Perce...acho que não o vejo brincar desde que era..." Últimas palavras de Fred Weasley